A diferença que soma

[Ana Dini]

Desde namorados, nós já fazíamos muitas coisas juntos, mas sempre cada um resolvendo um pedacinho. Na preparação do casamento, por exemplo, enquanto eu me dispunha a cuidar dos preparativos da cerimônia, ele cuidava de colocar em ordem a casa onde íamos morar.

Ficamos quatro anos casados antes de eu engravidar. Quando o João chegou, sempre tive o sentimento de que precisava compartilhar o filho que não era só meu. Para o Dário também foi automático pegar para si algumas coisas, como agasalhar o menino, colocar um monte de babadores antes das papinhas. Ele é mais super protetor e eu sou um pouco aérea e aqui começa o nosso principal foco de equilibrismo.

Nossa rotina não é sempre igual, dois dias na semana acordo com ele e tomamos café juntos, nos outros três dias tomo café só com o João. No final de semana, ficamos os três juntos. Para as tarefas da casa temos a Sonia que nos ajuda, cuida da limpeza, do almoço e do jantar e das roupas. Nos finais de semana a Sonia não está, então dividimos as tarefas em três. Temos organizado uma listinha do que fazer e sorteado o que cada um fará, essa foi a forma que encontramos de o João participar da organização da casa e aprender a arrumar a sua cama, as suas coisas. Enfim, é divertido!

Em geral, fazemos juntos as compras de supermercado, mas muitas vezes um ou outro traz o que está faltando. Dividimos as despesas e os lucros, e embora já tenhamos passado por muitas situações financeiras complicadas, esse sempre foi um ponto que nos uniu.

O Dário trabalha o dia todo e viaja bastante, atualmente tem estado mais em São Paulo e isso facilita muito. Estamos juntos quase todas as noites, tenho compromisso em duas delas e por isso chego um pouco mais tarde. Nesses dias, o Dário janta com o João e o leva para a cama. Nos outros dias, jantamos juntos e eu levo o João para cama.

À noite o João gosta de brincar com o Dário, então acabo tendo um horário só para mim, quando estou em casa.Durante as manhãs, sou eu quem fico com o João, exceto duas vezes por semana (ele fica com a Sonia), quando tenho compromissos. Trabalho sistematicamente todas as tardes e o João também estuda à tarde. Vamos juntos para a escola e voltamos juntos.

Nos finais de semana ficamos sempre a três, procuramos priorizar o que é bom para o João e esse tem sido o nosso principal problema: como ele é filho único, tendemos a mantê-lo muito próximo de nós. E nós, enquanto casal, nos afastamos um pouco. Atualmente o João tem participado de festas de amigos e visitas em que a gente não precisa estar presente, temos aproveitado essas situações para retomarmos o nós.

Um casal que busca ser equilibrista junto tem como desvantagem o risco de misturar os papéis, invertê-los e se acostumar com isso, de tal maneira que nem se percebe onde começa o pai e onde termina a mãe. E então temos um problema, porque quando esses papéis não estão definidos, o filho fica sem saber que papel assumir.

Quando nos construímos conscientemente como mulheres ou homens (adultas e adultos) – mães, pais, profissionais – esse risco fica minimizado e aí só aparecem vantagens. Tudo é mais leve quando contamos verdadeiramente com alguém e poder ensinar como fazer isso aos nossos filhos é muito importante.

Descobrir o que cada um de nós tem de melhor, o quanto pode contribuir e que a diferença não subtrai, mas soma, isso é tudo de bom!

Ana Dini escreveu esse relato depois de discutir o assunto com Dário, seu marido. Ela é educadora, formada pela USP-SP, especialista em Educação Infantil. Há 18 anos atende crianças e pais em escolas de grande porte. Ministra o workshop “Como falar para o seu filho ouvir”. Contato:anapdini@hotmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s